terça-feira, 15 de novembro de 2011

entrevista com M.S.Larbos, do PANACEAH



Bom dia M.S. Larbos. Acho que os leitores devem se perguntar como surgiu o Panaceah e o porque do nome?
A banda surgiu após o término da minha antiga banda, o Cactus Peyotes, e se iniciou como um projeto que mais tarde resolvemos, eu e o Daniel Lamas (tecl/guit), transformar em uma banda de fato; O nome panaceah é grego, significa para os alquimistas a cura para todos os males,foi escolhido tanto pelo seu significado como por ser algo que soa igual tanto em português como em inglês.
Como você definiria o Som do Paneceah?
Algo como uma mistura de hard/prog com pitadas de AOR.
Fale-me do primeiro trabalho do Panaceah o CD Spiral of Time. Como foi seu processo de criação e composição?
Foi muito rápido, pois já tínhamos muitas idéias já prontas; bastou juntar tudo de forma coerente e com boa dose de inspiração e o álbum fluiu bem.
Porque decidiram lançar o seu primeiro CD pela internet?
Foi pela falta de opção e interesse, sobretudo dos selos nacionais .
Um ponto polêmico. Porque a constante mudança de formação? E como isso tem afetado o trabalho da banda?
De certa forma isso afeta trabalho pois atrasa todo planejamento e com isso mudam-se os objetivos mais urgentes, mas é necessário para que a banda tenha uma formação sólida e com gente 100% envolvida.
Como o Panaceah chegou a essa sonoridade única, indo na contramão do mercado? Foi algo proposital ou simplesmente aconteceu? Já que estamos falando de som, qual são as influências do Panaceah?
Foi algo natural, como reflexo daquilo que sempre escutamos e nos influenciou, tais como Rush, Uriah Heep, Kansas, Marillion, Fates Warning, Queensryche, Rainbow, Journey e Nightingale.
Fale-me das temáticas das letras. Existe algum tema específico central do disco? Existe alguma música preferida que você recomendaria?
As letras são muito variadas, de acordo com principalmente a sonoridade e o clima de cada uma. Umas que retratam bem essa junção de temática de letra com o tipo de composição seriam ´´Over the perception`` e ´´Tuareg``por exemplo.
Vocês divulgaram que estariam trabalhando no sucessor do Spiral of Time, cujo nome segue com o título provisório de "INNER". Considerando a reformulação na banda (uma constante), como estão os trabalhos e as composições para o próximo trabalho? Estas mudanças trarão modificações no som do Panaceah?
Independente da troca de membros na formação, o processo de composição continua firme comigo e com o Rodrigo; Acredito que deverão acontecer mudanças no que se refere à execução das novas e também alguns elementos de influências que esses novos membros venham a trazer para enriquecer o trabalho.
Como está a procura de novos membros para banda?
Temos feito isso com muita calma e critério, para não ter que estacionar a banda por escolhas erradas e prematuras. Os intessados podem entrar em contato com banda através de nosso myspace.
Gostaria de deixar algum recado para nosso leitores e fãs do Panaceah?
Que em breve estaremos lançando nosso primeiro álbum e isso se deve graças às pessoas que admiram nosso trabalho e vão aos nossos shows. Muito obrigado a todos vocês!



FORMAÇÃO

Banda formada por M.S. larbos (voc.) e Daniel lamas(tecl/guit.) inicialmente como um projeto para utilizar o  material anteriormente não aproveitado pela ex - banda dos músicos, Cactus Peyotes.
Como as músicas ficaram com muita qualidade  e personalidade, resolveram prosseguir , mas como uma banda de fato.
As influências do panaceah vão desde o progressivo e o classic rock 70`s como rush, uriah heep, kansas, rainbow e UFO bem como o AOR e o hard/heavy dos 80`s como queensryche, fates warning, marillion, europe e journey.
Atualmente estão em um momento de troca de formação e prestes a lançar seu primeiro álbum intitulado ''spiral of time''


myspace:
www.myspace.com/panaceah

FORMAÇÃO ATUAL

M.S. Larbos - (vcl)
Rodrigo Dussak - (bx)
Marcos Kayafha - (guit)

CONTATO:
marcus 33378640 /  94279456

rodrigo 33963312 / 86917121

Nenhum comentário:

Postar um comentário